Lifestyle

Mar, Gastronomia e Inovação em debate nos Açores

Falar sobre o mar dos Açores pode ser tão bom como saboreá-lo. Antes do Festival Caldo de Peixe que se realiza no porto de pescas de Rabo de Peixe, há que assistir, na sexta-feira, dia 20 de Julho, no Cine Teatro Miramar a um seminário dedicado ao tema Mar, Gastronomia e Inovação, apoiado pela Direção Regional das Pescas dos Açores. A participação no seminário é gratuita e aberta ao público em geral. O programa de trabalhos desfila com um leque notável de oradores convidados. PROGRAMA Painel I – RECURSOS 09:00 Abertura 09:10 As Capturas nos Açores – Cíntia Machado, Lotaçor 09:25 As Artes de Pescas e Sustentabilidade – Gualberto Rita, Federação Pescas dos Açores 09:40 O Stock de Algas nos Açores – Ana Neto, Universidade dos Açores 09:55 Algas – Um Mundo Novo – Paulo Serra Lopes, APPAQUA Painel II – GASTRONOMIA 10:20 A Cultura Gastronómica Açoriana – António Cavaco, Gastrónomos dos Açores 10:35 A Gastronomia Inovadora – Patrícia Borges, Escola Superior Turismo e Tecnologia do Mar 10:50 Criação de Valor em Gastronomia – Nuno Nobre, Nuno Nobre Consultoria 11:15[…]

Continuar a ler »

Ateliers de Cozinha para Crianças

Workshops intensivos de cozinha no Campo Grande até final de julho Os ateliers Petit Chef chegaram ao Campo Grande, em Lisboa, e realizam-se em parceria com a cozinha experimental do Go Foodies instalada no Cook Lab da Universidade Lusófona em Lisboa. Tudo por umas férias divertidas na companhia da chef Joana Byscaia do projeto Petit Chef que conta com 13 anos de experiência nestas andanças. Nas sessões, ensina-se aos grandes pequenos cozinheiros as bases da cozinha e os benefícios de uma alimentação saudável, quando é praticada a sério no dia-a-dia. Onde: Cook Lab – Universidade Lusófona em Lisboa Quando: 16 a 19 de julho / 23 a 26 de julho Duração: Segunda a quinta Horário: 9h00 às 17h00 Refeições: Incluídas (meio da manhã, almoço e lanche) Valor: 195 euros Informações: https://www.petitchef.pt

Continuar a ler »

Brinde ao outono que aí vem

Depois de um verão intenso, os dias começam a ficar mais curtos e as noites mais frescas. É o Outono que se aproxima a passos largos. Mas porque o verão ainda não foi embora – felizmente! – ainda apetece acompanhar algumas refeições com um vinho versátil e fresco, que nos transporta de novo para as férias. Produzido pela Companhia Agrícola do Sanguinhal, o Sôttal Branco Leve – provavelmente o vinho leve regional mais antigo do nosso país – é um branco muito fresco, tão discreto que deixa brilhar o sabor dos queijos, mariscos ou saladas mas com a doçura suficiente para que fique registado no paladar. Macio, suave e delicado são adjetivos que acentam na perfeição a um vinho (Sôttal 2016) tão especial que foi Ouro no Berliner Wein Trophy 2017 (Alemanha) e Prata no Concurso de Vinhos de Lisboa 2017. Antes que os seus amigos cheguem para almoçar, abra uma garrafa (bem fresca), admire a sua cor clara, sirva um copo para si e delicie-se com as notas cítricas, o aroma a frutos tropicais (ananás e manga entre outros)[…]

Continuar a ler »

Balanço (muito) Positivo em Rabo de Peixe

Um dos grandes momentos do ano para a vila açoriana de Rabo de Peixe é o já famoso Festival do Caldo de Peixe de Rabo de Peixe. A edição de 2107, que teve lugar no passado mês de Julho, não só correspondeu como superou as expectativas. Sempre com o objetivo de provar ao mundo que as desigualdades sociais e as históricas dificuldades económicas de uma localidade que vive maioritariamente da pesca não chegam para definir, o mentor do festival, Ruben Farias – Presidente da APRAP Associação de Pescas de Rabo de Peixe e do Clube Naval de Rabo de Peixe e responsável pelo projeto Hominis Aqua (que inclui a publicação de um livro com o mesmo nome) – viu a sua meta alcançada numa edição em que, graças à recente presença de companhias aéreas low cost no arquipélago, se assistiu a um acréscimo significativo de turistas no festival. No total foram mais de 4500 caldos de peixe servidos. Mas, além dos caldos típicos de Rabo de Peixe que dão nome ao festival, quem visitou o festival pode também provar caldos[…]

Continuar a ler »

Mais um “WINE IN AZORES”

Há tradições que são para manter. O festival Wine in Azores é já uma delas. De 20 a 22 de Outubro realiza-se, na Ribeira Grande, a 9ª edição daquele que já é um dos maiores eventos vínicos nacionais. Se os Açores foram desde sempre um cenário privilegiado, de uma beleza natural única, foi recentemente (e significativamente no último ano) que as ilhas registaram um aumento considerável de visitantes, tanto nacionais como estrangeiros. As razões do incremento turístico são conhecidas e têm de ser acompanhadas por eventos agregadores como é o Wine in Azores. Mais que um certame onde participam mais de cem produtores, que dão a conhecer e a provar os seus vinhos, é um ponto de encontro com outras atividades, nomeadamente a gastronomia. Além das já famosas Tascas Gourmet, onde é sempre possível experimentar as propostas que têm como ingrediente principal o incrível peixe açoreano, estarão presentes conceituados chefs, como é o caso do australiano Justin Jennings que no espaço pop up do seu restaurante lisboeta DownUnder apresentará surpresas como uma Asian Infunsion Boillabaisse, inspirada no célebre caldo de[…]

Continuar a ler »

PINTURA COM ALMA

Quando se tem o privilégio de chegar aos 99 anos, os projetos em que se opta participar são uma escolha do coração. Mimi Fernandes, a matriarca da família que gere a Companhia Agrícola do Sanguinhal, ama a pintura. Mais do que um hobby, é uma paixão. Depois da recente exposição Flores no Jardim, patente há uns meses, Mimi Fernandes participa agora numa exposição coletiva de pintura, juntamente com Fernando Pascoal, no Teatro Eduardo Brazão, no Bombarral. Com inauguração no dia 23 de Setembro, às 15h30 (convite em anexo), a mostra com obras emblemáticas dos dois pintores portugueses poderá ser visitada nos dias 24 e 30 de setembro e nos dias 1, 7 e 8 de outubro. O horário é das 11h às 12h30 e das 14h30 às 18 horas. Para tornar a visita ainda mais emocionante é importante referir que, no decorrer da exposição, haverá um quadro de Fernando Pascoal que funcionará como um desafio para todos os que visitarem esta coletiva. Um exercício que terá um prémio à altura de quem adivinhar o enigma: a oferta do quadro. Mais[…]

Continuar a ler »